A reciclagem no Brasil em números.

 

 

Apenas 18% dos municípios do Brasil possuem coleta seletiva de resíduos.

Você sabia que, em 2016, apenas 1.055 cidades brasileiras realizaram, de alguma forma, atividades de coleta seletiva de resíduos sólidos? E que, no final das contas, este número representa apenas 18% do total de municípios do país? Pois é, os dados são do Estudo Ciclosoft 2016, realizado pela CEMPRE – Compromisso Empresarial para Reciclagem, e demonstram com clareza como a Lei que institui o Plano Nacional de Resíduos Sólidos, publicada em 2010, não vem sendo exatamente respeitada pelas prefeituras. E não é só a coleta seletiva que anda meio esquecida.

Os lixões e aterros a céu aberto, que deveriam estar extintos desde 2014, conforme o PNRS, continuam persistindo, e acredite, recebem inadequadamente 75% dos resíduos sólidos produzidos nas regiões norte e nordeste do país. Na região sudeste, este número chega a 45%.

O estudo trouxe informações sobre a coleta seletiva nas 12 capitais escolhidas como sedes da Copa do Mundo de 2014. Veja como anda a coleta seletiva na capital do seu estado:

 

  • Belo Horizonte

5% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por coleta seletiva em 2016: 577 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 15%

  • Brasília

3% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 2.600 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 54%

  • Cuiabá

3% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 175 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 13%

  • Curitiba

16% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 2.489 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 100%

  • Fortaleza

6% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 18 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 6,5%

  • Manaus

3% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 932 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 15%

  • Natal

4% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 30 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 35%

  • Porto Alegre

10% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 282 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 100%

  • Recife

2% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 200 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 17%

  • Rio de Janeiro

5% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 2.783 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 65%

  • Salvador

1% a 2% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 460 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 20%

  • São Paulo

7% dos resíduos coletados são reciclados

Volume médio recolhido por Coleta Seletiva em 2016: 7.500 toneladas mensais

População atendida pela coleta seletiva: 87%

 

 

Fonte:

http://www.abralatas.org.br/a-reciclagem-do-brasil-em-numeros, em 15/02/2018.

4 opiniões sobre “A reciclagem no Brasil em números.”

  1. Impressionante que depois de tantos anos, o governo federal não tenha ainda exigido ações das prefeituras neste sentido. A coleta seletiva deveria ser obrigatória em todas as cidades!

  2. hey there and thank you for your info – I’ve definitely picked up anything new from right here. I did however expertise several technical issues using this site, since I experienced to reload the site a lot of times previous to I could get it to load properly. I had been wondering if your hosting is OK? Not that I am complaining, but sluggish loading instances times will often affect your placement in google and could damage your quality score if advertising and marketing with Adwords. Well I’m adding this RSS to my e-mail and can look out for a lot more of your respective intriguing content. Ensure that you update this again soon..

  3. Useful info. Fortunate me I discovered your website by chance, and I am surprised why this twist of fate did not took place earlier! I bookmarked it.

  4. Absolutely indited subject material, appreciate it for selective information. “You can do very little with faith, but you can do nothing without it.” by Samuel Butler.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *